Modelo de creighton

O modelo Creighton é um método natural de planejamento familiar que identifica os dias férteis e inférteis do ciclo menstrual de uma mulher. Este método foi desenvolvido pelo Dr. Thomas Hilgers e o baseava, à semelhança do método Billings, na observação do muco. O modelo Creighton permite que a mulher conheça detalhadamente seu ciclo menstrual, o que por sua vez torna possível tentar ter um bebê com sucesso ou evitar uma gravidez não planejada. O modelo Creighton é a base da NaProTechnology, um método de procriação natural que permite o diagnóstico e tratamento da infertilidade.

Veja o vídeo: “Doenças para as quais você deve se vacinar antes da gravidez”

1. Qual é o modelo Creighton?

O modelo Creighton é baseado em métodos que são usados ​​há anos no planejamento familiar. O mais importante é observar o muco cervical, que se torna mais abundante, claro e elástico com a aproximação da ovulação. Ao mesmo tempo, sua viscosidade e o número de leucócitos nele contidos diminuem. Esse tipo de muco ajuda o espermatozóide a se mover e torna mais fácil para o espermatozóide chegar ao óvulo maduro.

No modelo de Creighton, apontar o momento de maior fertilidade permite a observação de muco e sangramento vaginal, além de registrar "dias secos" quando não ocorre secreção. Para uma mulher com ciclos regulares, este ciclo começa com o início da menstruação. Quando a menstruação termina, a mulher geralmente não nota nenhuma secreção. Parece que a ovulação se aproxima. No início, o muco é pegajoso e turvo, mas gradualmente muda para um muco mais claro e elástico. O último dia desse muco no ciclo é o momento da ovulação. Durante esse tempo, o nível de estrogênio no corpo da mulher aumenta. No entanto, em mulheres com um ciclo ovulatório longo, o muco relacionado à ovulação pode aparecer na fase pré-ovulatória.

2. Aplicação do modelo de Creighton

O modelo Creighton não é um método natural de contracepção. No entanto, permite que o casal decida se deve tentar um filho ou evitar a gravidez. Com um conhecimento profundo do ciclo menstrual, bem como dos dias férteis e inférteis, o casal tem a opção de planejar seu futuro.

Conhecer o ciclo menstrual também é extremamente útil no diagnóstico da infertilidade. Ele permite que você escolha o melhor momento para realizar testes como testes hormonais (níveis de estrogênio e progesterona), monitoramento por ultrassom da maturação do folículo de Graaf e muitos outros. Isso permite ao médico diagnosticar anormalidades, incluindo deficiências hormonais ou distúrbios do ciclo menstrual. Por sua vez, o diagnóstico permite o início do tratamento. **** Os distúrbios hormonais ou anormalidades do ciclo podem ser tratados com hormônios naturais ou farmacoterapia. Os medicamentos também podem ajudar com a deficiência de muco cervical, parâmetros bioquímicos e hematológicos anormais e problemas endócrinos. Às vezes é necessário fazer uma cirurgia. A indicação cirúrgica é a obstrução ovariana, aderências ou endometriose.

3. Eficiência do modelo de Creighton

O modelo Creighton é extremamente eficaz na prevenção de gravidezes não planejadas. No entanto, certas condições devem ser atendidas. Para ser mais eficaz, o casal deve seguir todas as regras de monitoramento do muco, calcular os dias férteis e inférteis corretamente e abster-se de relações sexuais durante os dias férteis. Na realidade, porém, nem todas essas regras são sempre seguidas exatamente.

O modelo Creighton também é a base da NaProTechnology, ou seja, o tratamento da infertilidade usando métodos naturais. Vale a pena saber, porém, que a NaProTecnologia, embora extremamente útil no tratamento da infertilidade, pois ajuda a determinar suas causas, não é o método correto de tratamento dessa enfermidade. Isso se deve ao fato de que os métodos naturais não são capazes de ajudar em uma situação onde a causa da infertilidade é criptozoospermia (vestígios de esperma na ejaculação), falta de ovários, trompas de falópio ou útero em uma mulher ou seus graves danos, defeitos anatômicos em um homem ou alterações endometrióticas irreversíveis em uma mulher. A NaProTechnologia não é, portanto, uma alternativa à fertilização in vitro, quando as causas da infertilidade não podem ser curadas farmacologicamente, cirurgicamente ou otimizando o momento da relação sexual.

O modelo Creighton é um método que ajuda a manter a saúde e a fertilidade da mulher. Uma mulher que conhece seu ciclo menstrual, conforme determinado pela observação de marcadores biológicos, pode tomar uma decisão consciente sobre a maternidade.

Tag:  Preschooler Cozinha Gravidez De Planejamento